Detalhes do Post

Os grandes desafios da Igreja hoje

agosto 11, 2017

Temos visto, um crescimento numérico de pessoas dentro da igreja. Os templos evangélicos estão lotados; muitas pessoas descem às águas por meio do batismo, e isto alegra o nosso coração. O Brasil tem experimentado gotas de avivamento e estamos assistindo a boates e casas de shows se transformarem em igrejas e núcleos de pregação do Evangelho. Entretanto, também podemos observar que há um declínio no estudo sério da Palavra de Deus. Os cultos de estudo bíblico e as Escolas Dominicais estão se esvaziando, havendo maior procura por shows gospel e campanhas de oração e milagres.

É preciso olharmos à nossa volta e percebermos as coisas que estão acontecendo no mundo e em nosso país. Os noticiários nos informam que o Inimigo não está brincando. O cerco aos cristãos e à liberdade para viver a fé vai se fechando de maneira sutil e global. Muitas leis estão sendo instituídas e impostas, ferindo os princípios bíblicos que fundamentam a família. O certo passa a ser considerado errado e o errado torna-se correto. A apostasia aos poucos ganha espaço, incutindo, nas mentes e corações incautos, as sementes do secularismo, do ateísmo e do sincretismo religioso. E, sem que as pessoas percebam o perigo, milhares perdem a fé e mergulham em densas trevas.

Também é notório o avanço de seitas, doutrinas satânicas, ensinos enganosos e várias heresias no mundo que estão atraindo e envolvendo o homem do século 21. O Islamismo, por exemplo, cresce com o alvo de estabelecer o estado islâmico nas nações, inclusive, já estão entrando no Brasil, com a permissão do nosso governo. Como igreja, precisamos ver os acontecimentos, com os óculos do Espírito Santo, na perspectiva das Escrituras e nos posicionarmos corretamente de acordo com a vontade de Deus: em oração, santidade e em comunhão com o Senhor. Isso por que, as falsas doutrinas e ensinos enganosos estão bombardeando homens, mulheres e crianças, invadindo empresas, escolas e lares a todo momento.

Além disso, podemos afirmar que estamos vivendo os “tempos difíceis” de que nos fala o apóstolo Paulo em 2 Timóteo 3.1-5, em que a principal característica do homem deste tempo é o egoísmo. Não é este o retrato da sociedade de hoje? Não tem sido egoísta o modo de viver das crianças, o estilo de vida conjugal, a escalada do “sucesso” profissional? Tudo isso sendo estimulado pela mídia, pelas propagandas, pelas redes sociais, pelo mau uso da tecnologia? Sim, estamos numa corrida desenfreada que acabará, certamente, na derrocada da sociedade humana. Sociedade onde não há amor, mas o ódio e a morte. Onde não há limites, mas o desrespeito e a guerra. Onde não há justiça; contudo, haverá juízo divino. Onde não há temor de Deus, porém, haverá ruína e destruição.

Precisamos estar bem alicerçados nas Escrituras, conhecermos bem os fundamentos do que cremos, para responder aos que nos perguntam pela razão de nossa fé. Precisamos ler diariamente a Bíblia, estudá -la, memorizar versículos e capítulos inteiros, ruminar e meditar em seus ensinos maravilhosos. É preciso que cada crente, cada cristão genuíno, esteja preparado no conhecimento bíblico sobre Deus, sobre o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Com esse entendimento em nosso coração, podemos apresentar a solução para o pecado do homem: Jesus. Por meio de sua morte na cruz do Calvário, em nosso lugar, Ele nos oferece a certeza da salvação. Nenhuma outra religião apresenta a solução definitiva para o pecado, pois o perdão divino requer a justiça, e Cristo sofreu a nossa pena, a nossa condenação para dar-nos seu perdão e a vida eterna.

Por causa da remissão de nossos pecados na cruz, temos o nosso nome escrito no Livro da Vida do Cordeiro, aleluia! Este é o motivo maior de nossa alegria: a salvação eterna conquistada por Cristo na cruz. O Islamismo, as Testemunhas de Jeová e outras seitas negarão a divindade de Jesus, a sua morte na cruz para remissão de nossos pecados, porque eles não têm como adquirir o perdão e ter a certeza de vida eterna, e, se aceitam a cruz, terão de se dobrar ao centro da nossa fé. É maravilhoso saber que servimos e adoramos ao Deus Único e Verdadeiro. Pertencemos a um Deus que nos amou e nos deu o seu Filho para nos salvar. Deus, esse que enviou o seu Espírito Santo para habitar em nós e nos ensinar, encorajar e fortalecer para desfrutarmos da vida cristã.

Que em 2015, querido leitor, você possa dedicar mais tempo para ler, estudar e meditar as Escrituras com afinco para levar a mensagem de vida eterna a todos os que convivem com você. Esteja preparado para dar a razão da sua fé. Saiba responder aos que trazem falsos ensinos e lhes mostre o caminho da Verdadeira Vida e da Verdadeira Paz. Que este ano seja O ano da Bíblia, do fortalecimento da fé, no conhecimento de Cristo e na prática de seu amor.

:: Pra. Ângela Cintra Valadão

Deixe o seu comentário

BAIXE NOSSO APP AGORA!

Use a tecnologia a seu favor e melhore os resultados e comunicação da sua igreja

Baixar para:

Learn More Learn More
Learn More